terça-feira, outubro 12, 2004

Contas às claras, Justiça Fiscal

.

Contas escondidas não pagam impostos

Em Portugal, não há combate à fuga fiscal. A Polícia Judiciária tem apenas dez inspectores em todo o país dedicados ao combate ao crime fiscal. Em 2003, só foram investigadas cem pessoas.

A fuga ao fisco é gigantesca: calcula-se que seja equivalente a um décimo do Produto total da economia do país, cerca de 13.200 milhões de euros (2.640 milhões de contos).

Em cada ano, afuga aos impostos rouba quase trezentos contos a cada pessoa. Combatendo a fraude podemos viver melhor.

Assine a iniciativa legislativa popular
www.contasclaras.net

3 Comments:

Blogger polittikus said...

Se apanharem alguém, deve ter sido por milagre....

5:26 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Já assinei. Alguns blogs têm o mesmo.
Bem hajam.
Lena

7:02 da tarde  
Blogger Alarvo said...

é uma medida importante a abolição do segredo bancário. mas tal como em espanha não irá solucionar nem de perto, nem de longe o problema. a economia paralela e a fuga dos capitais para o estrangeiro vão aumentar. porém, é um bom sinal. é sinal de que as coisas podem e vão mudar.

1:41 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home